dezembro 19, 2012

Na Paz d'Aquele Olhar. - Autoria: Maria Cristina Tanajura

.

Na Paz d'Aquele Olhar.
Autoria: Maria Cristina Tanajura
17/12/2012
 .
 .
Pode ser que esteja triste e atravessando momentos muitos difíceis, que lhe desencorajam a continuar... Todos nós vivemos isto muitas vezes durante nossas vidas. Parece que entramos num nevoeiro que nos envolve e não nos permite enxergar um palmo à frente, tentando nos asfixiar. Perdemos energia, nos quedamos atônitos diante de um futuro que não sabemos como irá ser. Ao invés de ficarmos aí, parados e sem iniciativa, olhemos em torno de nós... Veremos um céu que nos envolve, provavelmente azul, ou mesmo pontilhado de nuvens, ou de estrelas, se for à noite. Estamos respirando um ar que nos alimenta e que está disponível, sem nos cobrar nada em troca. Ouvimos sons conhecidos, como o passar dos carros na rua, o cantar dos pássaros, o barulho dos transeuntes, no latido dos cães. Estamos vivos e envolvidos por Deus, que em Sua paz e em seu Amor, expressa-se em tudo que nos cerca e, principalmente, nos amigos que poderão nos ajudar.
Na verdade, nós estamos entrando num momento de turbulência passageira, mas o Sol logo adiante irá se mostrar cheio de vida, energia e beleza! A agitação está em nós, mas em torno de nós a Natureza - expressão de Deus - nos diz: tudo está na Divina Ordem! Acalme seus passos e se equilibre - respirando no silêncio, olhando as árvores que caladas se sustentam em suas raízes mostrando-nos que tudo passa, mas a nossa essência continuará sempre nos servindo de base, alimento e força.
O contraste entre os momentos de tumulto interno e a paz silenciosa da Natureza nos leva a buscar em nós aquele ponto de sustentação, nosso Eu interno, que sempre esteve e estará lá, que tem sido o nosso porto seguro em todos os momentos. Fazendo este contato, a tempestade em nós amainará e o nosso interior se acalmará, mesmo que os problemas que tenham causado o sofrimento continuem a existir por algum tempo.
É esta Paz que buscamos. Uns de uma forma e outros de outra. Muitos, através do Amor, da Fé. Outros preferindo negar tudo isto e sofrendo ainda por um tempo, quando exaustos retornarão para o caminho de onde se desviaram.
Viver é amar! Estar vivo é estar no amor. Deus é Amor e quando estamos n'Ele estamos plenos, sentimo-nos seguros e felizes, apesar das circunstâncias que estivermos vivendo.
Olhar e procurar conviver com a Natureza nos preenche e nos fortalece. Mesmo quando moramos nas grandes cidades cheias de edificações e carentes de verde, sempre haverá o céu nos cobrindo e olhando pra ele podemos nos perceber no ninho amoroso que nos engloba dia e noite - basta apenas que nos conscientizemos disto. Pois para sentirmos alguma coisa, precisamos nos permitir. Se nos fecharmos à pureza, à beleza, ao natural e simples, andaremos por outra trilha... Muito árida, muito racional, muito séria, mas pesada, triste e dura.
Jesus - Verdade maior que já nos visitou - deu-nos exemplos de simplicidade, de felicidade serena e de paz que suplantaram os seus momentos de maior dor. Confiando no Amor Divino, se entregou e acreditou que tudo passaria e que tudo estava na Divina Ordem... E venceu tudo e todos e suas palavras se perpetuaram no éter e por isto até hoje elas chegam até nós, apesar de tantas versões contraditórias, de tantas pretensas explicações, de tantas religiões diferentes criadas pelos homens, nestes anos todos.
Cristo nos ilumina o espírito com sua doçura, com sua humildade sábia, com sua calma, com sua paz, com sua sinceridade e maneira simples de viver, dando um passo de cada vez, acreditando que o amanhã Lhe traria aquilo de que precisasse.
Estamos vivendo momentos de transformação energética, muito importantes e decisivos. Vamos nos deixar guiar pelo olhar sereno e amoroso de nosso Mestre Jesus e pela paz e a ordem tranquila da Natureza em torno de nós? Sinto que se nos colocarmos assim, atravessaremos bem qualquer turbulência que nos espere adiante.
No silêncio daquele olhar, na serenidade da Natureza de que fazemos parte, encontraremos sempre a direção e o caminho.
.
.
Autoria: Maria Cristina Tanajura.
Email: tinatanajura@terra.com.br
Fonte: Site Somos Todos Um  17/12/2012
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentários moderados. Participações ofensivas e anônimas não serão publicadas. Gratidão, Paz e Luz!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Feeds transicionando